quinta-feira, 31 de julho de 2008

A Projeção






Da esquerda para a direita, em pé: Arthur Monteiro,Beto Rocha e Rinaldo Morelli.
Em baixo: Armando Salmito, Claudinha, Maia Macário, Usha Velasco e Alessandro, e em primeiríssimo plano o anfitrião Henry Macário.

Fiquei empolgada ao ser convidada para uma projeção de fotografias com o Punctum. Esse é um programa muito gostoso: ver, comentar, ouvir as histórias das fotos, dar e receber retornos sobre essas nossas coleções de figurinhas.

Começamos com um banho de realidade aplicado por Arthur Monteiro: uma seleção do seu trabalho fotojornalístico na Tribuna do Brasil. Com direito a mortos estendidos no chão e tudo. Visões da periferia de Brasília, cenas das quais a maioria de nós passa distante. E belos retratos também, como não poderia deixar de ser.

Depois, Armando Salmito mostrou imagens (e músicas) de São Luís do Maranhão. Lindas fotos noturnas, lindas cores na festa do boi. Fiquei até com inveja, sempre quis ir lá. Viajar é bom demais... E voltar pra casa com fotos assim não tem preço.

Rinaldo Morelli mostrou um pouco de seu multifacetado trabalho. Festa do Reinado em Araújos (MG). Grafismos azuis e amarelos, com interferências digitais. Seqüências, um ensaio em andamento. Mais grafismos (é a especialidade da casa), dessa vez em cores variadas. E pequenos vídeos que ele tem montado com fotografias, o último dos quais nos matou de rir. Não dá pra explicar. Só vendo.

Em seguida foi a minha vez; mostrei uma edição de fotos em preto e branco, uma coisa meio soturna que tenho feito devagarzinho, com detalhes de lugares pouco nobres de Brasília.

Depois Beto Rocha nos deixou boquiabertos com sua belíssimas imagens da cidade, todas com aquela marca especial que ele imprime em suas fotos, resultado dos olhos especiais que Deus lhe deu. De quebra, ainda mostrou um trabalho bem gráfico, que lembra HQ, e que ele pretende veicular em gravuras e em camisetas.

Para encerrar, nosso anfitrião Henry Macario mostrou as figurinhas que trouxe de Cuba. Só coisa linda. Um país interessante, um povo interessante, cenários maravilhosos (aqueles carrões dos anos 50, aquelas fachadas em ruínas...) E a Claudinha contou as histórias da viagem, além de nos oferecer deliciosos morritos, drinks cubanos com rum e limão.

Bom demais, gente. Obrigada, e me convidem de novo na próxima vez...


Relato de Usha Velasco.

2 comentários:

lotto 649 winning numbers disse...

Yutarets! kasagad bah!

lotto online disse...

It could challenge the ideas of the people who visit your blog.